Notícias

Copa Itatiaia Kaiser divulga regulamento da 59ª edição; confira as regras deste ano

Por Erika Oliveira/Itatiaia, 30/11/2019 às 10:56
atualizado em: 30/11/2019 às 11:19

Texto:

Foto: Erika Oliveira/Itatiaia
Erika Oliveira/Itatiaia

A organização da Copa Itatiaia Kaiser divulgou neste sábado o regulamento da 59ª edição do torneio, que começa no dia 15 de dezembro de 2019 e tem a finalíssima prevista em 12 de janeiro de 2020. As regras da competição são as mesmas do ano passado em relação à fórmula de disputa.

Confira o regulamento completo

- são 5 (fases) distintas (cada fase se inicia com zero ponto) sendo: classificatória, quartas de final, semifinais, final das chaves e finalíssima;

- 32 clubes disputam o torneio, divididos nas chaves Belo Horizonte e Metropolitana;

- cada chave tem quatro grupos com quatro times;

- cada equipe enfrenta os adversários do seu próprio grupo em turno único;

- os dois primeiros colocados de cada grupo passam para as quartas de final;

- as quartas de final serão disputadas em jogo único (na fase mata-mata haverá disputa de pênaltis em caso de empate);

- as semifinais também serão disputadas em jogo único para definir os finalistas de cada chave;

- o vencedor da Chave BH enfrenta o vencedor da Chave Metropolitana na finalíssima.

A Coordenação da Copa Itatiaia, a seu exclusivo critério e em qualquer fase da Copa, poderá optar por rodadas duplas, em campos e horários a serem por ela pré-designados.

A primeira reunião dos representantes dos 32 clubes e da Comissão Organizadora da Copa Itatiaia será no dia 5 de dezembro, às 19h, na sede da Federação Mineira de Futebol (FMF). Na ocasião serão feitos o sorteio das chaves e a entrega do material.

Escreva seu comentário

Preencha seus dados

ou

    #ItatiaiaNasRedes

    RadioItatiaia

    ⚽️ Jogador vai ficar em isolamento social e será acompanhado pelo departamento médico do clube.

    Acessar Link

    RadioItatiaia

    ⚠️ EXCLUSIVO! "Se há alguns que vão às ruas se manifestar contra as instituições livres e democráticas no nosso país, isso nos causa preocupação", afirmou.

    Acessar Link